ARTIGO

A GRANDE REVOLUÇÃO DO SÉCULO XXI

sexta, 04 de junho de 2021 às 17:42

Foto: TWS Comex

Provavelmente você já deve ter ouvido falar no termo “internet das coisas” que surgiu nos anos 90 e que atualmente tem ganhado um grande enfoque nos meios de comunicação devido à chegada da tecnologia 5G.

No século atual acontecem dois grandes fatos que sem dúvida deixarão marcas na história, um deles é a pandemia do corona vírus que assolou o mundo inteiro e deixou a maior quantidade de mortos no Brasil do que qualquer outra doença. O segundo é a revolução tecnológica que tem o objetivo de conectar as coisas utilizadas no dia a dia por meio da internet, também conhecido como “internet das coisas”.

Os profissionais da geração Y que nos anos 90 necessitavam de um curso de datilografia para se colocar no mercado de trabalho, nos anos 2000 precisaram se atualizar com a chegada dos computadores e celulares. Atualmente, o cotidiano das pessoas está resumido em telas, seja na smart TV, notebook, tablet, central multimídia dos veículos, smartphones e não para por aí.

A “internet das coisas” tem o objetivo de transformar o que era físico em digital, além de proporcionar uma maior economia de tempo já que muitas empresas aderiram ao formato de trabalho Home Office. Trouxe ainda, uma maior organização no trânsito com semáforos inteligentes, economicidade da iluminação pública com sensores de presença e meios de pagamentos com reconhecimento facial. Já no setor do comércio exterior as tecnologias estão sendo implantadas para agilizar os meios de distribuição nos portos e aeroportos com a utilização de robôs inteligentes, veículos de transporte de cargas sem motoristas, logística realizadas por drones, navios cargueiros sem tripulação e o governo brasileiro busca unificar, por meio do Portal Único Siscomex, todos os procedimentos de importação, exportação, logística, certificação, entre outros serviços.

A tecnologia não se limita apenas nas áreas urbanas, essa revolução tem alcançado a agricultura que já utiliza sistemas de irrigação, fertilização, polinização, plantio e colheita. Tudo isso realizado por máquinas inteligentes controladas via conexão remota, reduzindo os custos de produção e o desperdício.

Com a chegada da pandemia e a corrida pela vacina contra a covid-19 houve grandes avanços científicos e tecnológico na descoberta da vacina em tempo recorde, que no seu curso normal este processo levaria décadas. Na área da saúde, trouxe ainda a telemedicina e procedimentos cirúrgicos realizados por braços mecânicos controlados remotamente pela internet por profissionais que podem estar em qualquer parte do mundo.

Entramos para uma nova era de informações pelo meio digital que promete revolucionar com a chegada da tecnologia 5G que levará a conexão nos lugares mais longínquos possíveis. Atualmente, a conexão mais rápida das redes móveis pode chegar aos 45Mb de velocidade e, com a tecnologia 5G essa capacidade pode ser aumentada em até vinte vezes, com maior estabilidade na distribuição do sinal, que utiliza por sua vez, ondas eletromagnéticas menores e frequência mais altas. Isso significa que para sua implementação ser eficiente deverá utilizar um grande investimento em infraestrutura na instalação de antenas de distribuição de sinais.

Segundo os sites oficiais do governo, o processo de leilão para concessão das operadoras na distribuição da tecnologia 5G deve acontecer nos próximos 120 dias e prevê seu projeto piloto até junho de 2022 nas 27 capitais do Brasil.

As pessoas e profissionais das gerações “X” e “Y” que já viveram tantos fatos históricos deverão passar por mais um processo de transformação e atualização em suas vidas com a chegada do 5G que já está sendo considerado por alguns especialistas como o grande marco do século XXI.

Pensando nesta atualização, a TWS Comex que há alguns anos estudava implantar um sistema de trabalho híbrido, parte remoto e parte presencial, com a chegada da pandemia aderiu ao home office e a empresa tem se surpreendido com os resultados dos seus colaboradores.

No que tange ao atendimento aos clientes, os mesmos podem consultar seus processos de exportação e importação de forma online por meio de uma plataforma. Conforme os processos de desburocratização dos órgãos do governo avançam a TWS Comex busca acompanhar e atualizar seus procedimentos e ações para agilizar no atendimento.  

 

Por Cleiton Germiniano

Simplifique os seus negócios internacionais

Venha para a TWS Comex e tenha acesso a tudo isso 24 horas por dia através do TWS Gestão Online