ARTIGO

CONCEITOS DE IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO

quinta, 07 de abril de 2016 às 09:16

Foto: Raku Job

Importar e exportar são fatores muito importantes para o desenvolvimento de um país.

 

Mas o que vem a ser importação? Nada mais é do que quando se adquire produtos de outro país, para venda direta, ou seja, quando o produto já está finalizado, ou matéria prima que servirá para industrialização de determinada mercadoria, podendo ainda ser destinado para amostra, ou por tempo determinado em caso de feiras.

 

Uma das vantagens de se importar pode ser avaliada quando o dólar (moeda comumente utilizada nas transações) está em baixa, com isso, o valor do produto importado frente ao nacional se torna mais competitivo. Outra vantagem é, que, muitas vezes, o prazo para a importação passa a ser menor que o tempo de fabricação no Brasil, além de alguns produtos os quais possuem incentivos do governo federal.

 

A Exportação, por outro lado, vem a ser o contrário da importação, ou seja, trata-se da saída/venda de produtos e serviços além da fronteira do pais Brasil.

 

No entanto, a exportação possui mais incentivos fiscais do governo com o objetivo de estimular empresas a efetuarem a venda externa.  Com isto o governo busca equilibrar a balança comercial.

 

Tanto na importação como na exportação as formas de transportes podem ser via aérea, rodoviária, marítima ou ferroviária, caso se enquadre em mais de um modal será considerado multimodal.

 

Em ambos os processos deverá se verificar a documentação legal e procedimentos perante a Receita Federal e órgãos anuentes, para evitar entraves na chegada ou saída da mercadoria.

 

Por Nicolle Athayde

 

 

Simplifique os seus negócios internacionais

Venha para a TWS Comex e tenha acesso a tudo isso 24 horas por dia através do TWS Direct